Outsourcing de TI: veja os benefícios para a infraestrutura da sua empresa
Home Infraestrutura

Outsourcing de TI: veja os benefícios para a infraestrutura da sua empresa

outsourcing-de-ti-veja-os-beneficios-para-a-infraestrutura-da-sua-empresa

Diante de um mercado extremamente competitivo, as empresas estão preferindo focar seus esforços naquilo que realmente sabem fazer: o seu core business. Em contrapartida, as atividades que não entram neste escopo estão sendo delegadas para prestadores de serviços especializados.

O cenário citado acima também se aplica à área de Tecnologia da Informação. Muitos gestores estão optando por fechar ou reduzir a equipe interna, dando preferência para o que se convencionou chamar de outsourcing de TI.

Neste post, vamos explicar com detalhes o que é outsourcing de TI e quais as vantagens que você terá ao implementá-lo na sua empresa. Boa leitura!

O que é outsourcing de TI?

Outsourcing de TI é uma prática adotada pelas empresas com o objetivo de delegar os trabalhos de tecnologia da informação a uma prestadora especializada. Na prática, as tarefas de tecnologia saem de sua empresa para serem executadas externamente.

De acordo com a Gartner, outsourcing de TI é o uso de “serviços externos para promover uma TI eficiente, por meio de soluções em infraestrutura, processos de negócios e aplicativos para gerar resultados positivos” (em tradução livre).

Qual a diferença entre terceirização e outsourcing?

O significado de ambos os termos é muito próximo, assim como é bem fácil de serem confundidos. Porém, há uma diferença fundamental que precisa ser bem entendida.

Na terceirização, a empresa contrata prestadores de serviços para realizar tarefas de menor valor percebido, como limpeza, zeladoria e segurança. No outsourcing, contrata-se um serviço considerado estratégico para o core business, como logística, contabilidade, finanças e, claro, tecnologia da informação.

Quais os tipos de outsourcing de TI?

Em linhas gerais, podemos dizer que existem três modalidades de outsourcing de TI. Estes tipos são adotados de acordo com a necessidade de cada empresa:

  • Offshore: é a contratação de empresas de outros países para realizar tarefas de TI, como desenvolvimento de software ou service desk. Neste último caso, a prática foi muito comum (nos anos 2000) nos países ricos de língua inglesa, que contratavam serviços em outros países que também falam o idioma.

  • Onshore: é a contratação de uma empresa especializada dentro do mesmo país, estado ou cidade. É a modalidade indicada para resolver o problema do idioma, principalmente em contratos para service desk.

  • Nearshore: é a contratação de uma prestadora situada em algum país vizinho. Isso ajuda a resolver o problema do idioma, traz mais proximidade cultural e de fuso horário.

Quais são os benefícios do outsourcing para a infraestrutura da sua empresa?

Agora que você entendeu bem o conceito e as modalidades possíveis de serem aplicadas, vamos falar um pouco sobre os benefícios. Eles são vários e é justamente por causa deles que tantas empresas estão adotando o outsourcing para a infraestrutura de TI.

Manter o foco no negócio

Desvencilhar-se de tarefas fora do core business é a vantagem primária do outsourcing de TI. Imagine se você pudesse ficar 100% focado nas tarefas que realmente trazem resultado para sua empresa, como desenvolvimento de novos negócios, prospecção de clientes e lançamento de produtos. A empresa seria muito mais produtiva, não é mesmo?

Com o outsourcing em TI, você pode delegar funções que sugam muita energia do seu dia a dia, como field services e service desk, nos níveis 1 e 2. Com essas tarefas sendo executadas por prestadores especializados, você ficará 100% focado na operação do core business.

Reduzir custos

Manter uma infraestrutura de TI internamente demanda muitos custos. Você precisará de espaço físico para a equipe, comprar e manter equipamentos de ponta, além de contratar e treinar profissionais.

Se você optar pelo outsourcing, esses custos tendem a baixar bastante. Isso porque as tarefas vão passar para as mãos de uma prestadora de serviços especializada em tecnologia. Todos aqueles gastos citados acima não estarão mais sobre sua responsabilidade.

Além disso, o pagamento e o contrato de outsourcing são bem flexíveis. Você pode pagar apenas por aquilo que usar. Não há necessariamente um custo fixo mensal.

Aumentar a qualidade do serviço

Uma das maiores dores de cabeça para empresas com equipes de TI internalizadas é contratar e treinar profissionais. Quem opta pelo outsourcing está livre desse problema. As prestadoras são especializadas nos serviços que prestam. Por isso, já possuem um time competente e bem treinado.

Essa qualificação vai refletir na governança e produtividade da sua empresa. Com service desk e field services realizados com mais expertise, o atendimento aos clientes será mais rápido e ágil.

Obter tecnologia e métodos modernos

Empresas especializadas na prestação de serviços de TI estão sempre se atualizando e buscando o que há de mais moderno no mercado. Se você optar pelo outsourcing, estará colocando seus serviços de TI em sintonia com as melhores práticas e estruturas adequadas à governança em TI.

Manter equipes internas alinhadas a essas práticas demanda muito trabalho, treinamento e, claro, custos elevados.

Acompanhar a performance de TI por métricas

Por estarem mais antenadas com as melhores práticas de mercado, as empresas prestadoras de serviços de TI preocupam-se bastante em fornecer dados, informações e métricas sobre os trabalhos realizados.

Isso é muito importante. Mensalmente, você terá relatórios mostrando os serviços que foram executados, como, por exemplo, quantos atendimentos em suporte nos níveis 1 e 2 aconteceram e foram concluídos. Com os relatórios em mãos, será fácil saber se a empresa está dentro do esperado e cumprindo com as metas traçadas.

Como contratar um bom outsourcing?

Para finalizar, leia algumas rápidas dicas sobre como contratar a empresa de outsourcing certa para o seu caso.

  1. Mapeie os serviços de TI que você mantém internamente e que podem ser realizados por outra empresa, como o service desk e field services;

  2. Liste as empresas do mercado que executam esses serviços;

  3. Faça uma pesquisa e procure saber a reputação dessas empresas. Considere que o outsourcing só funciona se o prestador for de qualidade;

  4. Entre em contato, peça orçamento e adapte as propostas para a sua realidade;

  5. Antes de fechar contrato, faça mais uma pesquisa. Converse com pessoas que já trabalham com a empresa escolhida e cheque se estão satisfeitas com os serviços prestados.

Outsourcing é realmente uma boa ideia é pode ajudar bastante a sua empresa, não é mesmo? Assine nossa newsletter e receba mais conteúdos como este.

 

Você também pode gostar
planejamento-estrategico-em-ti-entenda-a-importancia-desse-fator.
Planejamento estratégico em TI: entenda a importância desse fator!
Apresse-se! Veja por que adotar uma gestão de infraestrutura de TI para reduzir custos
Saiba por que e como fazer o uso da metodologia ITIL em seu setor

Deixe seu comentário

Seu comentário*

Nome*
Site

Share This